Revista Barril

Conectivos Críticos

GOETHE-INSTITUT

25 de agosto (sexta), 20h | Entrada franca

Depois de 14 edições digitais, a Revista Barril – que acaba de celebrar um ano de muita produção – lança uma edição impressa comemorativa com os textos que já foram publicados e ultrapassam a emergência/factualidade das redes sociais. O lançamento terá a presença de dois DJs: Igor de Albuquerque (que também é colunista e editor da Barril) e André Oliveira.

A revista impressa será distribuída gratuitamente. Essa edição de celebração conta com textos escritos pelos integrantes da Barril para as seguintes colunas/editorias: Crítica; Crítica da Crítica; Rizoma; Ensaios; Tretas; Selfies; e Colunas Especiais.

Um dos critérios que os três editores da edição especial – Daniel Guerra, Diego Pinheiro e Igor de Albuquerque – definiram para a escolha dos textos é a força deste para além da ocasião, evento ou espetáculo criticado, ou seja, a autonomia enquanto escrita e estilo. Os textos possuem uma independência com relação ao tempo contemporâneo do aqui-agora-já.

QUEM É
Lançada em março de 2016, a revista virtual nasce de uma inquietação quanto à produção crítica em artes cênicas na cidade de Salvador e no mundo inteiro: a crítica deixa de ser veiculada nos jornais impressos e ser exclusividade de jornalistas; passa a ser feita pelos próprios artistas, seja em blogs, sites, zines etc. O diferencial da Barril está na linguagem, que ganha corpo na organização das colunas e no estilo da escrita.

Barril é composta por um grupo diverso e seus integrantes são atuantes em áreas como teatro, arte-educação, performance, artes visuais, literatura e audiovisual. Essa diversidade transforma a revista num veículo polifônico e, naturalmente, as especificidades, particularidades e bagagens de cada uma dessas vozes abrem espaço para novas possibilidades de produção crítica.

Atualmente, os integrantes são Laís Machado (atriz, performer, design gráfica e pesquisadora), Igor de Albuquerque (tradutor, escritor e contista), Daniel Guerra (diretor teatral, cineasta e videomaker), Bárbara Pessoa (dramaturga e arte educadora), Alex Simões (poeta, tradutor e performer) e Diego Pinheiro (diretor teatral, escritor e dramaturgo). Participaram ainda artistas convidados como Iuri Tripodi, Olga Lamas, Thor Vaz, Marie Thauront, Diego Alcântara, entre outros.